SINODALIDADE COMO KAIROS NA SITUAÇÃO ATUAL DA IGREJA E DO MUNDO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20911/21768757v54n1p89/2022

Resumo

A pandemia da COVID-19, a crise do sentimento de unidade eclesial e a ruptura sociopolítica global: esses diferentes fatores (e outros) fazem do presente momento um eukairos akairos – um momento favorável e ao mesmo tempo desfavorável para o desenrolar do Processo Sinodal na Igreja Católica. Este artigo esboça desafios e oportunidades eclesiais para o “Processo sinodal 2021-2023”. A sinodalidade é um jeito diferente de ser Igreja, não simplesmente um novo jeito de tomar decisões na Igreja. Mas kairos significa também um momento de decisão, não de esperar que algo aconteça e se realize automaticamente. Para a comunidade cristã, significa igualmente um momento possível de divisão e de recusa, não de um paraíso eclesial. O processo sinodal acontece em um momento no qual dife­rentes desafios se acumulam.

PALAVRAS-CHAVE: Sinodalidade. Kairos. Pandemia. Globalização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-05-01

Como Citar

FAGGIOLI, Massimo. SINODALIDADE COMO KAIROS NA SITUAÇÃO ATUAL DA IGREJA E DO MUNDO. Perspectiva Teológica, [S. l.], v. 54, n. 1, p. 89, 2022. DOI: 10.20911/21768757v54n1p89/2022. Disponível em: https://faje.edu.br/periodicos/index.php/perspectiva/article/view/4985. Acesso em: 18 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos